Incontinência Urinária em Idosos – A Micção Solicitada Pode Ajudar

Incontinência Urinária em Idosos

A incontinência urinária em idosos é um problema de saúde comum. As pessoas nesta condição não conseguem controlar a micção e têm sua qualidade de vida prejudicada pelos escapes involuntários de urina.

Lidar com este problema em lares de idosos é um desafio. Contudo, um novo estudo analisou como a estratégia comportamental de micção solicitada pode ajudar pacientes e cuidadores a gerir melhor a incontinência urinária nesses casos.

Como Lidar com a Incontinência Urinária em Idosos

A maneira mais comum de administrar a incontinência urinária entre pessoas idosas é usar fraldas para adultos. No entanto, isto pode afetar sua dignidade e autoconfiança. Além disso, o contato com a fralda irrita a pele e leva a uma maior chance de desenvolver infecções do trato urinário.

Existem várias estratégias cognitivas comportamentais que podem ser usadas para lidar com o problema. A micção solicitada é uma das estratégias mais eficazes, que pode reduzir a dependência de pessoas idosas em fraldas.

Em que Consiste a Micção Solicitada

A micção solicitada é uma estratégia comportamental não-invasiva. Consiste na ação dos cuidadores em lembrar aos idosos para ir regularmente ao banheiro. Este comportamento, além de reduzir a ocorrência de escapes de urina, aumenta a consciência do controle da bexiga.

Como este método é simples e direto, os funcionários de lares de idosos podem aplicá-lo facilmente.

A Eficácia do Método na Gestão da Incontinência Urinária

Quando solicitado pela equipe a ir regularmente ao banheiro e com reforço positivo, ao longo do tempo, os idosos passam a gerenciar melhor o seu problema de incontinência urinária, com influência positiva em relação à sua qualidade de sua vida.

Para garantir o sucesso contínuo deste método, é indicado que os lares de idosos estabeleçam um programa de treinamento de pessoal, para garantir a preocupação dos funcionários em manter o hábito de lembrar aos residentes os momentos de urinar.

Como o estudo foi conduzido e quais foram as descobertas?

Pesquisadores da Universidade Politécnica de Hong Kong realizaram um estudo experimental sobre a eficácia e sustentabilidade da micção solicitada na gestão da incontinência urinária em idosos.

A iniciativa ocorreu entre janeiro de 2011 e julho de 2013, envolvendo residentes de cinco lares de idosos locais. Um total de 52 idosos voluntários, que preencheram os critérios de inclusão, foram distribuídos aleatoriamente para um grupo experimental e um grupo controle (que receberam cuidados de incontinência normal).

Os resultados mostraram que a taxa de incontinência urinária entre os participantes do grupo experimental caiu de 72,6% para 58,7%, enquanto a taxa para o grupo controle aumentou de 66% para 77,6%. Isso indica que o método de micção solicitada é eficaz na redução da incontinência urinária em lares de idosos e que os efeitos são sustentáveis ao longo do tempo.

A Gestão da Incontinência Urinária

Além da micção solicitada, existem outras estratégias comportamentais que podem ser utilizadas para o gerenciamento de incontinência urinária. Entre elas, estão: micção cronometrada e treinamento da bexiga. Você precisa de ajuda para colocá-las em prática no seu tratamento ou de um familiar? Marque uma consulta, para tirarmos todas as suas dúvidas.

Dr Carlos Del Roy

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *